Search

Confira algumas animações incríveis que talvez você não tenha visto

Depois do sucesso da lista de filmes incríveis que talvez você não tenha visto, chegou a vez das animações, que vão muito além dos famosos filmes da Pixar, Disney e DreamWorks. Confira as escolhidas abaixo:

 

As Bicicletas de Belleville (Les Triplettes de Belleville, 2003)

Champion é um menino solitário, que só sente alegria quando está em cima de uma bicicleta. Percebendo a aptidão do garoto, sua avó começa a incentivar seu treinamento, para fazê-lo um verdadeiro campeão e poder participar da Volta da França, principal competição ciclística do país. Porém, durante a disputa, Champion é sequestrado. Sua avó e seu cachorro Bruno partem então em sua busca, indo parar em uma megalópole localizada além do oceano e chamada Belleville.

 

As Aventuras de Azur e Asmar (Azur et Asmar, 2006)

Os meninos Azur e Asmar foram criados juntos pela mesma mulher, Jenane. Azur é loiro e tem olhos azuis, além de ser filho de um nobre. Já Asmar tem olhos e cabelos pretos, sendo filho de Jenane, ama-de-leite que cuida de Azur. Eles cresceram como se fossem irmãos, até serem separados quando Jenane parte com o filho. Asmar cresce ouvindo as histórias da mãe sobre a lendária Fada dos Djins e, quando se torna adulto, decide partir à sua procura, contando com a ajuda do andarilho Crapoux. É quando Azur e Asmar se reencontram, agora não mais como irmãos mas como rivais na busca da Fada.

 

Príncipes e Princesas (Princes et Princesses, 2000)

Bem-vindos ao teatro de sombras do animador Michel Ocelot. Neste criativo filme de silhuetas animadas, uma menina e um menino encenam fantásticas peças de teatro, auxiliados por um velho técnico desempregado. Eles se transformam em herói e heroína de seis contos e viajam para todos os cantos do mundo, indo do passado remoto ao futuro distante. O filme apresenta um universo de elegantes e encantadoras figuras que deslumbram espectadores de todas as idades, mostrando a beleza do Antigo Egito, a poesia da arte japonesa, o romance da Idade Média e os prodígios do ano 3000.

 

Persépolis (Persepolis, 2007)

Marjane Satrapi (Gabrielle Lopes) é uma garota iraniana de 8 anos, que sonha em se tornar uma profetisa para poder salvar o mundo. Querida pelos pais e adorada pela avó, Marjane acompanha os acontecimentos que levam à queda do xá em seu país, juntamente com seu regime brutal. Tem início a nova República Islâmica, que controla como as pessoas devem se vestir e agir. Isto faz com que Marjane seja obrigada a usar véu, o que a incentiva a se tornar uma revolucionária.

 

A Canção do Oceano (Song of the Sea, 2014)

A história da viagem de volta da última criança das selkies, mulheres que se transformam em focas. Depois do desaparecimento de sua mãe, Ben e Saoirse são enviados para viver com a avó na cidade. Quando eles resolvem voltar para a sua casa à beira-mar, a viagem torna-se uma corrida contra o tempo, quando eles são atraídos para um mundo que conhecem apenas nos contos populares de sua mãe. Mas isso não é uma história de ninar, essas pessoas estão em nosso mundo por muito tempo. Logo fica claro para Ben que Saoirse é a chave para a sua sobrevivência.



Criado em meio a filme violentos da sessão da tarde dos anos 90, meu gosto para filme não poderia fugir muito disto. Nunca dispenso um bom filme de ação, daqueles repletos de explosões, carros fazendo grandes saltos, ou alguma cena de luta com diversos tipos de torções, além de socos e chutes capaz de fazer o adversário desmaiar com apenas um golpe.