Search
Peter Pan

Cr?tica – Peter Pan

Bonecos - Homem

Se assim como eu, voc? j? viu dezenas de vers?es de Peter Pan, deve achar que depois de Em Busca da Terra do Nunca (2004) nada de diferente poderia ser feito com este cl?ssico. Bem caro leitor, voc? ir? se surpreender com est? nova vers?o de Peter Pan.?

Desta vez a hist?ria ? quase um prequel dos filmes e anima??es que tanto conhecemos, ainda assim repleta de refer?ncias. O jovem Peter come?a a sua jornada como um Garoto Perdido, por?m uma face sombria do filme deixa sempre a d?vida sobre se Peter est? vivo, ou se tudo n?o passa de um ilus?o em meio ? guerra, ou um mundo superior. Realmente uma viagem, mas isso ? para os que adoram uma teorias da conspira??o.

Joe Wright conta com estrelas do calibre de Hugh Jackman, Rooney Mara, Cara Delevingne e Amanda Seyfried, mas ainda assim, o diretor soube usar os seus personagens, sem a obrigatoriedade de deixar algu?m com mais tempo de tela do que o necess?rio apenas por ser um grande nome.

As crian?as devem adorar o filme pelo n?vel de magia e efeitos que ele apresenta. J? os adultos ir?o ficar pescando refer?ncias e esperando uma mudan?a na hist?ria para o curso conhecido o tempo todo.

Se voc? quer uma novidade em Peter Pan, algo diferente como Em Busca da Terra do Nunca, mas com a magia de Hook – A Volta do Capit?o Gancho, essa vers?o pode ser uma grande experi?ncia.

SPOILER ESCONDIDO AQUI! (CLIQUE PARA VER)

 

? mais do que comum, e justific?vel ficar esperando o momento da virada, onde o Capit?o Gancho e Peter Pan viram rivais, por?m isso n?o acontece no filme, mas h? brincadeira entre os dois no final do filme te planta a sementinha da d?vida. Afinal, o que ouve de errado com est? amizade?

O filme ? repleto de refer?ncias, o tempo todo, mas, algu?m mais notou a pintura na cabe?a do guerreiro dos nativos? Um homenagem ao personagem Rufio, de Hook – A Volta do Capit?o Gancho. Ok, essa ? para os f?s mais hard core, admito.

E sim senhoras e senhores, Peter deve fazer o mesmo que o Barba-Negra para permanecer jovem, por?m sabemos que ele ser? muito mais amig?vel com as fadas.

 



Criado em meio a filme violentos da sess?o da tarde dos anos 90, meu gosto para filme n?o poderia fugir muito disto. Nunca dispenso um bom filme de a??o, daqueles repletos de explos?es, carros fazendo grandes saltos, ou alguma cena de luta com diversos tipos de tor??es, al?m de socos e chutes capaz de fazer o advers?rio desmaiar com apenas um golpe.