Search

Filmes que você não sabia que era sci-fi

Ficção científica, ou sci-fi, é um gênero literário ou cinematográfico que lida principalmente com o impacto da ciência, tanto verdadeira como imaginada, sobre a sociedade ou os indivíduos. A ação pode ser abordada em diversos assuntos, como viagem espacial, viagem no tempo, mais rápido que a luz, universos paralelos e vida extraterrestre.

Os longas do gênero lidam com essas e outras questões relacionadas de formas explicitas, mas nem sempre é assim, por isso na lista de hoje a equipe do Cinema a Dois separou cinco longas que você não sabia que era sci-fi, mas são. Confira abaixo nossos escolhidos:

 

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças

A comedia romântica dramática tem Michel Gondry como diretor e Jim Carrey e Kate Winslet como protagonistas. O longa conta a história de um casal, onde ambos lidam com o sofrimento do fim de um namoro que estava fadado ao fracasso desde o início. A ficção cientifica entra no longa, quando os dois decidem apagar as memorias do relacionamento de forma artificial, criando uma realidade onde esse ato é algo comum. O longa foi ganhador do Oscar em 2005 como melhor roteiro original.

 

Te Amarei Para Sempre

O romance dirigido por Robert Schwentke e protagonizado por Eric Bana e Rachel McAdams, conta a história de um casal, cujo o homem é um viajante do tempo involuntário e ambos tem a linha temporal invertida: o futuro dela é o passado dele. O filme se torna um sci-fi porque a viagem no tempo é retratada da forma mais cientificamente correta possível, pois ela é involuntária, isso acontece mais como um ataque epilético sobre o qual o rapaz não tem nenhum controle.

 

Quero Ser John Malkovich

Com a direção de Spike Jonze e John Cusack e Cameron Diaz como protagonistas, o longa conta a história de um homem que descobre uma passagem secreta para dentro da mente de um astro de Hollywood, depois de passar 15 minutos lá ele e sua esposa resolvem alugar a passagem para a vida do astro. ‘Quero ser John Malkovich‘ é um sci-fi por que relata a possibilidade de um cidadão qualquer entrar na mente de um astro de Hollywood por meio de uma passagem secreta.

 

Donnie Darko

Com a direção de Richard Kelly e protagonizado por Jake Gyllenhaal, o filme relata a história de um adolescente esquizofrênico e sonâmbulo que após um caminhada na madrugada encontra um grande coelho que lhe conta a data do fim do mundo, e o menino corre contra o tempo para evitar a catástrofe. O sci-fi do longa também é a questão da viagem no tempo, só que diferente de outros longas onde esse fator é claramente identificado no enredo, em ‘Donnie Darko‘ acontece de forma sutil e quase imperceptível para o espectador menos atento.

 

Melancolia

O longa tem a direção do dinamarquês Lars Von Trier e é protagonizado por Kirsten Dunst, onde um mulher com depressão recebe a notícia que o planeta Melancolia está em rota de colisão com a terra, e decide se mudar para a casa da irmã, que se apavora com a possibilidade do fim, mas a protagonista, simplesmente aceita. O uso do sci-fi no filme acontece como artifício para retratar a relação humana em meio a catástrofes, ou seja, o modo como cada um lida consigo mesmo e com os outros ao seu redor.



Cinéfila com fobia a filme de terror. Teve como primeiro amor Harry Potter, mas hoje o seu futuro marido é ninguém menos que Tony Stark. Adora rever filmes, prefere super produções e ainda não assistiu O Poderoso Chefão!